2007-02-27

Subject: Abelhas desaparecem misteriosamente nos Estados Unidos

 

Bem-vindo(a) a mais uma edição do boletim informativo  News of the Wild

Este boletim é mantido por simbiotica.org, a Rede Simbiótica de Biologia e Conservação da Natureza

Mantenha-se informado das últimas novidades e troque ideias com todos os que fazem parte desta imensa rede!

 

Em destaque:

Abelhas desaparecem misteriosamente nos Estados Unidos

 

  Questões ou comentários para: webmaster@simbiotica.org

Dê a rede simbiotica.org a conhecer a um amigo!!

As abelhas estão a desaparecer a uma taxa alarmante de 24 estados americanos, ameaçando a produção de muitas culturas.

A causa das perdas, que variam entre 30% e mais de 70%, é um mistério mas os peritos estão a investigar várias teorias.

As colónias de abelhas americanas já foram atingidas por várias crises regionais anteriormente mas os criadores dizem que esta é a primeira crise a nível nacional.

As abelhas polinizam mais de $14 biliões em sementes e culturas todos os anos, na sua maioria frutos, vegetais e frutos secos.

Os desaparecimentos misteriosos salientam a importante associação entre as abelhas e a cadeia de acontecimentos que nos traz frutos e vegetais ao supermercado e à mesa. A crise ameaça numerosas culturas, desde abacates aos kiwis e às amêndoas californianas, uma das culturas mais rentáveis dos Estados Unidos.

"Nunca vi nada assim", diz o apicultor californiano David Bradshaw com 50 anos. "Colmeia atrás de colmeia está vazia, não está ninguém em casa."

A perda de abelhas varia entre os 30 a 60% na costa oeste, com alguns apicultores da costa leste e no Texas a relatar perdas de mais 70%. Os apicultores consideram perdas até 20% na época baixa normais.

Os investigadores dizem que as abelhas devem estar a morrer nos campos, talvez exaustas ou simplesmente desorientadas e acabando vítimas do frio. "A verdadeira questão é o motivo porque partem", diz Jerry Hayes, perito em abelhas do Florida Department of Agriculture. "As abelhas são insectos altamente sociais, não deixam as larvas e a sua rainha."

Os investigadores estão a explorar uma vasta gama de possibilidades para explicar as perdas, que consideram "síndroma do colapso da colónia", incluindo vírus, fungos e má nutrição.

Também estão a estudar pesticidas banidos em alguns países europeus para ver se estão a afectar as capacidade inata das abelhas para navegar de volta às colmeias.

 

Em alguns casos, as abelhas estão a ser criadas para sobreviver a uma época baixa menor, de forma a estarem prontas a polinizar assim que as amendoeiras floresçam em Fevereiro. Este facto pode ter reduzido a sua imunidade a vírus. Ácaros também podem ter danificado as colónias e os insecticidas usados para os matar podem estar a reduzir a capacidade das rainhas em produzir número suficiente de obreiras.

Antes do domínio do passatempo, a apicultura tornou-se cada vez mais comercial e consolidada nos Estados Unidos. Durante as últimas duas décadas, o número de colmeias desceu em um quarto e agora estima-se que ronde os 2,4 milhões. O número de apicultores caiu para metade durante o mesmo período.

A pressão tem vindo a subir na industria e os custos de manutenção das colmeias estão a subir. Para além disso, o crescimento urbano significa que as zonas onde os insectos se alimentam de néctar para se manterem fortes e saudáveis na época da polinização estão cada vez mais reduzidos.

"Cada vez há menos abelhas, menos apicultores mas mais culturas para polinizar", diz Zac Browning, vice-presidente da Federação de Apicultores Americana. "Com tantas perdas e despesas com as doenças, pestes e custos de equipamento, a margem de lucro está cada vez menor." 

 

 

Saber mais:

DNA de abelha fóssil causa sensação

França bane insecticida após morte de abelhas

Genoma da abelha decifrado

Alterações genéticas na vida das abelhas

 

 

Comentar esta notícia           Imprimir

 

Recebeu este boletim através de um amigo??

Faça a sua própria subscrição aqui!!

Se não deseja voltar a receber o boletim News of the Wild clique aqui!!

@ simbiotica.org, 2007


Return to Archives

Newsletter service by YourWebApps.com