2006-11-01

Subject: Ter-se-ão os Homens modernos e de Neanderthal cruzado entre si?

 

Bem-vindo(a) a mais uma edição do boletim informativo  News of the Wild

Este boletim é mantido por simbiotica.org, a Rede Simbiótica de Biologia e Conservação da Natureza

Mantenha-se informado das últimas novidades e troque ideias com todos os que fazem parte desta imensa rede!

 

Em destaque:

Ter-se-ão os Homens modernos e de Neanderthal cruzado entre si?

 

  Questões ou comentários para: webmaster@simbiotica.org

Dê a rede simbiotica.org a conhecer a um amigo!!

A ideia de que os Homens de Neanderthal e os primeiros humanos modernos a viver na Europa possam ter-se cruzado foi reforçada por uma nova análise de ossos descobertos numa caverna da Roménia há mais de 50 anos.

Os ossos mostram uma mistura de características do Homem moderno e do Homem de Neanderthal, o que levou os investigadores a sugerir que os dois grupos se podem ter cruzado e produzido descendência.

Os fósseis incluem partes de um crânio, de uma mandíbula e de uma omoplata. Apesar de se assemelharem mais a humanos modernos, com nariz estreito e arcadas supraciliares reduzidas, por exemplo, os fósseis também mostram outras características vulgarmente associadas aos Neanderthal, como uma saliência pronunciada na parte de trás do crânio e um maxilar inferior sem queixo distinto.

"Os humanos modernos encontraram-se, misturaram-se e cruzaram-se com os Neanderthal por toda a Europa", diz Erik Trinkaus da Universidade de Washington em St Louis, Missouri, cuja equipa relata as suas descobertas na última edição da revista Proceedings of the National Academy of Sciences. "As evidências retiradas destes fósseis são mais uma peça deste puzzle."

Híbridos (ou possíveis híbridos) anteriormente conhecidos tinham sido encontrados por Trinkaus em Portugal e na Republica Checa. Quanto mais amostras dessas são descobertas, salienta ele, mais sólida é a teoria de que as espécies se cruzaram.

Descobertas recentes têm batido na tecla de que os Homens de Neanderthal e os humanos modernos viviam em muitas bolsas de habitat partilhado durante milhares de anos. 

Antes de 50 mil anos atrás os Neanderthal estavam sozinhos no continente europeu mas há cerca de 20 mil anos a maioria dos habitantes europeus eram humanos modernos. O período intermédio é "uma completa trapalhada", diz Clive Finlayson do Museu de Gibraltar, estudioso deste período.

O debate continua sobre se as duas espécies se guerrearam, se viveram pacificamente lado a lado ou mesmo se acasalaram. Também não é claro se a sua descendência seria fértil ou estéril como as mulas. Trinkaus, no entanto, está convencido que a descendência era produzida e era funcional.

 

Um problema com esta teoria é o acumular de dados de DNA de Neanderthal. As sequências analisadas até à data sugerem que não houve mistura genética entre as duas espécies, apoiando a ideia de que os Neanderthal foram substituídos pelos humanos modernos à medida que estes se espalhavam pela Europa.

Outro puzzle por resolver é que virtualmente não há fósseis europeus com mais de 30 mil anos que se assemelhem a humanos modernos. "Se temos Homens de Neanderthal e humanos modernos a hibridar, porque só encontramos Neanderthal e híbridos?", pergunta Finlayson. "Onde estão os humanos puros?"

Trinkaus e os seus colegas caracterizaram os ossos, descobertos na gruta de Pestera Muierii do sul da Roménia, e dataram-nos radiactivamente com carbono, descobrindo que tinham 30 mil anos, o que encaixa muito bem na teoria de que os híbridos se formaram na época que os Neanderthal e os humanos modernos partilhavam território.

"O mais importante é que demonstra que quando estas pessoas se encontraram se viam uns aos outros fisicamente e socialmente como parceiros adequados", diz Trinkaus. "E juntaram-se mesmo." 

 

 

Saber mais:

Washington University Department of Anthropology

Homens de Neanderthal eram adultos aos 15 anos

Homens de Neanderthal eram como nós

 

 

Comentar esta notícia           Imprimir

 

Recebeu este boletim através de um amigo??

Faça a sua própria subscrição aqui!!

Se não deseja voltar a receber o boletim News of the Wild clique aqui!!

@ simbiotica.org, 2006


Return to Archives

Newsletter service by YourWebApps.com