2004-09-30

Subject: Gripe das aves pode ter passado de pessoa para pessoa

News of the Wild

 

Bem-vindo(a) a mais uma edição do boletim informativo  News of the  Wild

Este boletim é mantido pelo site Born to be Wild, para que não esqueça o seu lado selvagem ...

 

Em destaque:

Gripe das aves pode ter passado de pessoa para pessoa

  Questões ou comentários para: borntobewild@clix.pt

Dê o site Born to be Wild a conhecer a um amigo!!

 

Um surto de gripe das aves numa família tailandesa levantou novos receios de que o vírus possa ter sido transferido entre humanos.

Se a estirpe do vírus sofreu mutação de forma a permitir a transmissão pessoa a pessoa, abre-se a possibilidade de uma epidemia em larga escala desta doença mortífera. Os peritos estão preocupados com este caso na Tailândia mas consideram que, até ao momento, parece ter sido um incidente isolado e não o início de outro surto.

O ministro da saúde da Tailândia confirmou que Pranee Thongchan, que morreu a 20 de Setembro em Banguecoque, estava infectada com a estirpe H5N1 do vírus da gripe das aves. Ela tinha estado a cuidar da sua filha, que morreu 12 dias antes com suspeitas de gripe das aves na província do norte do país, Kamphaeng Phet.

Pensa-se que a filha tenha contraído o vírus após lidar com aves infectadas, em sua casa. Mas a mãe, que viajou para a região quando a filha adoeceu, não esteve em contacto com as aves. Esta situação acendeu os receios de que a doença tenha passado directamente de uma para a outra.

Dois outros membros da família adoeceram com gripe, incluindo uma tia que vivia com a rapariga doente e onde se detectou o vírus H5N1. A região está sob fortes medidas de vigilância, por parte das autoridades de saúde locais.

Essas mesmas autoridades já tinham lançado o alarme sobre a questão da transmissão pessoa a pessoa da gripe das aves de outras vezes: durante o surto de 1997 em Hong Kong e no Vietname, no início deste ano. Em ambos os casos o vírus não se espalhou para muito longe.

As autoridades permanecem esperançadas de que a transmissão pessoa a pessoa ainda não seja muito eficiente. Neste último caso, a mãe teve intenso contacto de perto com a filha, enquanto cuidava dela.

 

Ainda assim, a perspectiva de um surto generalizado é bem real. Não observámos transmissão entre humanos de forma consistente mas é uma preocupação constante, refere Maria Cheng, porta-voz da Organização Mundial de Saúde (OMS). O vírus pode ter mutado para uma forma mais transmissível.

Os agentes da OMS têm agora um plano para determinar a sequência genética do vírus para verificar se sofreu mutação e adquiriu a capacidade de passar de pessoa a pessoa. Ainda estamos à espera dos resultados para caracterizar o vírus, ainda não temos toda a informação necessária, diz Cheng.

Os peritos em saúde temem que a estirpe H5N1 se possa cruzar com vírus humanos, originando um vírus capaz de infectar o Homem com facilidade. O H5N1 foi recentemente encontrado em porcos, conhecidos por actuar como "caldeirões de mistura" para os vírus da gripe.

O fluxo regular de relatos de casos de gripe das aves na Ásia é muito preocupante, considera John Oxford, virulogista da Queen Mary's School of Medicine and Dentistry em Londres. Estão a acontecer demasiadas coisas ao mesmo tempo para podermos ficar descansados. As autoridades de saúde têm que garantir a quarentena das últimas regiões onde ocorreram surtos, antes que o vírus adquira a facilidade de transmissão entre humanos, conclui ele. Por agora, ainda está a dar a impressão de que não é um vírus capaz de causar uma epidemia. 

 

 

Saber mais:

Gripe das Aves - Influenza A(H5N1)

WHO Avian influenza

CDC Avian influenza

 

 

Comentar esta notícia           Imprimir

 

Recebeu este boletim através de um amigo??

Faça a sua própria subscrição aqui!!

Se não deseja receber o boletim Born to be Wild clique aqui!!

Respeitar os animais é respeitarmo-nos a nós próprios!

@ Born to be Wild, 2004


Return to Archives

Newsletter service by YourWebApps.com