2004-06-02

Subject: Cientistas criam vaca resistente à BSE

News of the Wild

 

Bem-vindo(a) a mais uma edição do boletim informativo  News of the  Wild

Este boletim é mantido pelo site Born to be Wild, para que não esqueça o seu lado selvagem ...

 

Em destaque:

Cientistas criam vaca resistente à BSE 

 

  Questões ou comentários para: borntobewild@clix.pt

Dê o site Born to be Wild a conhecer a um amigo!!

 

A segunda maior companhia produtora de carne de vaca no Japão, Kirin Brewery Co, foi bem sucedida na obtenção de uma vaca imune à doença das vacas loucas, mas os peritos consideram que é demasiado cedo para os produtores entrarem em celebrações. 

O porta-voz da Kirin anunciou que a vaca criada não transportava nenhuma das proteínas prião que causam a doença conhecida como encefalopatia espongiforme bovina (bovine spongiform encephalopathy - BSE). 

A BSE é transmitida por uma partícula proteica infecciosa chamada prião. Não se trata de um organismo vivo nem de um vírus, mas antes de uma proteína rara que pode converter outras proteínas para a sua mortífera forma, apenas por lhes tocar. 

O animal agora produzido por engenharia genética ainda está no ventre de sua mãe, devendo nascer no início do próximo ano, revelaram os cientistas da Kirin. 

A companhia, já anteriormente interessada na industria farmacêutica, produziu a vaca após ter realizado diversos estudos conjuntos com a firma americana de biotecnologia Hemateck LLC.  As duas companhias planeiam utilizar a vaca para o desenvolvimento de medicamentos para doenças como a hepatite C, pneumonia e reumatismo. 

Apesar de as vacas que não são imunes à BSE poderem ser usadas para a produção de anticorpos para produtos médicos ou farmacêuticos, as firmas temem que esse facto cause inquietação junto dos consumidores. 

 

A Kirin não tem planos para revelar a tecnologia médica a outras entidades, incluindo os produtores de gado. Existem considerações éticas relativamente à recombinação génica, pelo que nunca revelaremos nada que possa ser usado em alimentos, explica o porta-voz da Kirin. 

Estas parecem ser boas notícias para os produtores mas penso que muito tempo passará antes que este conhecimento seja usado para produzir vacas imunes à BSE em larga escala, refere Soichi Kagawa, director da Associação Japonesa de Produtores de Gado, principalmente devido a problemas de patente. 

A BSE arrasou o gado inglês nos anos 80 do século passado, levando à destruição de milhões de cabeças de gado bovino. Alguns dos que comeram carne contaminada desenvolveram a variante humana da doença, a doença  de Creutzfeldt-Jakob (DCJ). 

 

 

Saber mais:

Bovine Spongiform Encephalopathy (BSE)

DCJ and BSE - The Link

 

 

Comentar esta notícia           Imprimir

 

Recebeu este boletim através de um amigo??

Faça a sua própria subscrição aqui!!

Se não deseja receber o boletim Born to be Wild clique aqui!!

Respeitar os animais é respeitarmo-nos a nós próprios!

@ Born to be Wild, 2004


Return to Archives

Newsletter service by YourWebApps.com