2013-04-29

Subject: Cerrar o punho pode estimular a memória

 

Cerrar o punho pode estimular a memória

 

Dificuldades em visualizar este e-mail? Consulte-o online!

Newsletter não segue Acordo Ortográfico

@ BBCA memória pode ser estimulada simplesmente cerrando os punhos, sugere um estudo agora conhecido.

Cerrar o punho da mão direita durante 90 segundos ajuda na formação de memórias, enquanto o mesmo movimento com a mão esquerda melhora a recordação de memórias, referem psicólogos americanos.

Numa experiência, 50 adultos tiveram um melhor desempenho na recordação de palavras de uma longa lista quando realizavam estes movimentos com as mãos e os investigadores pensam que o cerrar dos punhos activa regiões específicas do cérebro associadas com o processo de memória.

A experiência de correu da seguinte forma: 50 estudantes destros receberam uma lista de palavras que tinham que aprender. Foram divididos em cinco grupos: um grupo cerrava o punho direito durante 90 segundos antes de memorizar a lista e seguidamente fazia o mesmo antes de recordar as palavras; um segundo grupo fazia o mesmo teste mas com a mão esquerda; dois outros grupos cerravam um punho antes de aprenderem as palavras (fosse o direito ou o esquerdo) e o punho oposto antes de recordarem as palavras; o grupo de controlo não cerrava os punhos. 

O grupo de estudantes que cerrava o punho direito antes de memorizar a lista e seguidamente cerrava o esquerdo ao recordar as palavras teve um desempenho melhor que todos os restantes grupos que cerravam punhos. Este grupo também foi melhor que o grupo que não cerrava nenhum punho apesar da diferença não ser estatisticamente significativa.

A investigadores principal Ruth Propper, da Universidade Estadual Montclair em Montclair, Nova Jérsia, considera que a pesquisa sugere que simples movimentos corporais podem estimular a memória por alterarem temporariamente a forma como o cérebro funciona: "Cerrar o punho direito imediatamente antes de aprender informação e cerrar o punho esquerdo imediatamente antes de a mobilizar será útil para melhorar a memória."

 

Investigações anteriores mostraram que cerrar o punho direito activa o hemisfério esquerdo do cérebro, enquanto cerrar o punho esquerdo activa o hemisfério direito. Esta situação foi associada a emoções, por exemplo, cerrar o punho direito com alegria ou raiva e o punho esquerdo com tristeza ou ansiedade.

Considera-se que o processamento da memória usa ambos os hemisférios cerebrais, o esquerdo para codificar as memórias e o direito para as recuperar.

Investigações futuras desta equipa irão examinar se o cerrar dos punhos também pode melhorar outros processos mentais, como por exemplo, capacidades verbais ou espaciais, bem como a memorização de imagens e locais, para além da de palavras.

No entanto, é preciso igualmente mais trabalhos em maior número de sujeitos para que haja alguma certeza sobre a significância dos resultados. Neil Burgess, do Instituto de Neurociência Cognitiva do University College de Londres, é um dos que tem essa opinião: esses estudos deveriam incluir scans cerebrais para identificar o fluxo sanguíneo nos hemisférios cerebrais.

 

 

Saber mais:

Cientistas lêem sonhos

Como aprender enquanto dorme

Anatomia de um ferimento cerebral

Amígdala no centro da nossa rede social

Porque certas memórias permanecem

São as memórias reprimidas um desenvolvimento recente?

 

 

Facebook simbiotica.orgTwitter simbiotica.orgGoogle + simbiotica.orgFlikr simbiotica.orgYouTube simbiotica.org Pinterest simbiotica.org

 

Arquivo  |  Partilhar Comentar |   Busca Contacte-nos  |  Imprimir  |  Subscrever | @ simbiotica.org, 2013


Return to Archives

Newsletter service by YourWebApps.com