2011-10-26

Subject: Rinoceronte de Java extinto no Vietname

 

Rinoceronte de Java extinto no Vietname

 

 

Dificuldades em visualizar este email? Consulte-o online!

@ WWF Greater MekongUma espécie de rinoceronte criticamente ameaçada acabou de se extinguir no Vietname, segundo um relatório dos conservacionistas.

O WWF e a International Rhino Foundation revelaram que o último rinoceronte de Java do país terá sido morto por caçadores furtivos, pois o seu corno tinha sido cortado.

Os peritos dizem que a notícia não é uma surpresa, pois apenas um avistamento tinha sido registado no Vietname desde 2008. Estima-se que restem agora menos de 50 indivíduos na natureza.

"É doloroso que apesar do investimento significativo na conservação do rinoceronte no Vietname, todos os esforços tenham falhado em salvar este animal único", lamenta o director para o Vietname do WWF, Tran Thi Minh Hien. "O Vietname perdeu parte da sua herança natural."

Os autores do relatório "Extinction of the Javan Rhino from Vietnam", dizem que a análise genética de amostras de dejectos recolhidos entre 2009 e 2010 no Parque Nacional Cat Tien mostrou que todas pertenciam a apenas um indivíduo.

Pouco tempo depois da análise ter sido completada, os conservacionistas descobriram que o rinoceronte tinha sido morto. Segundo eles, provavelmente terá sido obra de caçadores furtivos pois tinha sido atingido por um tiro na pata e o corno tinha sido removido.

Globalmente, houve um drástico aumento no número de casos de abate furtivo de rinocerontes. No início do ano, a União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN) publicou um relatório onde referia que as populações de África estavam a enfrentar a pior crise de caça furtiva desde há décadas.

Uma avaliação feita pela Traffic, a rede de monitorização do comércio de vida selvagem, dizia que este pico de comércio ilegal de cornos de rinoceronte estava a ser conduzido pela procura dos mercados de medicina asiáticos.

 

O rinoceronte do Vietname, para além de ser o último da sua espécie na Ásia continental, era também o último sobrevivente conhecido da subespécie Rhinoceros sondaicus annamiticus, uma das três reconhecidas de rinoceronte de Java.

Outra das subespécies, R. sondaicus inermis, também já se encontra extinta e era encontrada no nordeste da Índia, Bangladesh e Birmânia. A subespécie que resta, R. sondaicus sondaicus, pode ser encontrado em Java e Indonésia, no entanto já desde a década de 30 que os 50 animais estimados estão restritos à zona oeste da ilha.

Bibhab Kumar Talukdar, secretário-geral do grupo especializado no rinoceronte asiático da IUCN, refere que a perda do rinoceronte de Java foi "decididamente um duro golpe". 

"Todos temos que aprender com isto e precisamos de garantir que o destino do rinoceronte da Java na Indonésia não será igual ao de Cat Tien num futuro próximo. A ameaça aos rinocerontes devido ao seu corno é o maior problema mas na Indonésia, devido ao trabalho activo feito pelas unidades de protecção do rinoceronte e pelas autoridades dos parques nacionais, não tem havido registo de incidentes de caça furtiva na Indonésia na última década."

Talukdar observa: "O que é crucial para o sucesso da espécie é a adequada gestão do habitat pois o rinoceronte de Java pasta e precisa de florestas com crescimento secundário."

Ele alerta para que o habitat no parque nacional em Java que representa o último refúgio da espécie tem vindo a ser degradado pela palma, uma espécie invasora. "Por isso, o controlo da palmeira arenga e a gestão do habitat do rinoceronte de Java no Parque Nacional Ujung Kulon torna-se agora muito importante para futuro da espécie."

 

 

Saber mais:

WWF International

International Rhino Foundation

IUCN Asian Rhino Specialist Group

 

 

Twitter simbiotica.orgFacebook simbiotica.orgFlikr simbiotica.orgYouTube simbiotica.orgClique para deixar de subscrever esta newsletter

 

simbiotica.org  |  Arquivo  |  Comentar  |  Busca Contacte-nos  |  Imprimir  |  @ simbiotica.org, 2011


Return to Archives

Newsletter service by YourWebApps.com