2010-02-08

Subject: Cepticismo climático cresce no Reino unido

 

Cepticismo climático cresce no Reino unido

 

Dificuldades em visualizar este email? Consulte-o online!

@ BBCO número de ingleses que está céptico em relação às alterações climáticas está a subir, sugerem os resultados de uma sondagem dada a conhecer pela BBC.

A sondagem Populus realizada através de entrevista a 1001 adultos revelou que 25% deles não acredita que o aquecimento global esteja a acontecer, uma subida de 10% desde Novembro passado, quando uma sondagem semelhante tinha sido conduzida.

A percentagem de pessoas que responderam às questões que considera que as alterações climáticas eram uma realidade também caiu de 83% em Novembro passado para 75% este mês. Para além disso, apenas 26% dessas pessoas acreditam que as alterações climáticas estavam em curso e que "estava decididamente estabelecido que se deviam largamente à acção humana".

Os resultados baseiam-se em entrevistas realizadas nos dias 3 e 4 de Fevereiro.

Em Novembro de 2009 uma sondagem semelhante também realizada pela Populus, nessa ocasião encomendada pelo jornal The Times, mostrou que 41% dos entrevistados concordavam que as alterações climáticas estavam a acontecer e que eram largamente devidas às actividades humanas.

"É realmente muito invulgar ver uma alteração de opinião tão drástica num período de tempo tão curto", comentou o director-executivo da Populus Michael Simmonds. "O povo britânico é céptico acerca da contribuição humana para as alterações climáticas e está a tornar-se cada vez mais céptico: neste momento há mais pessoas que duvidam do que pessoas que acreditam firmemente."

O Departamento para o Ambiente, Alimentação e Assuntos Rurais (DEFRA), através do sue conselheiro científico Bob Watson, apelidou as descobertas de "muito desapontantes".

@ BBC

"O facto de ter havido uma queda significativa no número de pessoas que acreditam que os humanos estão a alterar o clima da Terra é muito grave e é preciso agir de forma urgente. É preciso que o público compreenda que as alterações climáticas são sérias para que revejam os seus hábitos e nos ajudem a passar a uma economia de baixo carbono."

 

Dos 75% de pessoas que responderam que concordavam que as alterações climáticas eram reais, um terço das pessoas consideraram que as potenciais consequências de viver num mundo em aquecimento foram exageradas, uma subida desde o quinto dos que respondiam dessa forma em Novembro.

O número de pessoas que acham que os riscos das alterações climáticas têm sido subvalorizados também caiu de 38% em Novembro para 25% nesta última sondagem.

Durante o período entre as duas sondagens houve uma série de notícias muito badaladas sobre alterações climáticas, algumas das quais pouco simpáticas para os cientistas climáticos e decisores. 

Em Novembro, os conteúdos de emails roubados de uma importante unidade de investigação climática levaram a acusações de que vários investigadores teriam manipulado dados sobre o tema. Já em Janeiro, o Painel Intergovernamental sobre Alterações Climáticas (IPCC) admitiu que tinha errado ao afirmar que os glaciares dos Himalaias podiam desaparecer até 2035.

Tudo isto aconteceu no pano de fundo de grande parte do hemisfério norte estar a braços com longos períodos de temperaturas negativas, num dos Invernos mais frios das últimas décadas.

No entanto, 73% das pessoas que mencionaram estar a par das histórias sobre as "falhas da ciência" nos meios de comunicação social referiram não ter mudado a sua visão sobre os riscos das alterações climáticas.

"As pessoas têm tendência a fazer julgamentos ao longo do tempo com base numa gama variada de diferentes fontes", explica Simmonds. Ele acrescenta que é muito invulgar eventos únicos terem um impacto dramático na opinião pública: "Normalmente, as pessoas decidem ao longo de períodos de tempo maiores e são influenciadas por todas as vozes que ouvem, o que lêem e o que as pessoas suas conhecidas dizem." 

 

 

Saber mais:

Populus

Sondagem BBC sobre alterações climáticas [PDF - 184KB]

Críticas inundam IPCC

IPCC admite erro em relação a glaciares dos Himalaias

Não acreditem nos cépticos climáticos!

Desmontando a teoria da conspiração climática

Nuvens de tempestade pairam sobre fuga de e-mails

 

 

 

Twitter simbiotica.orgFacebook simbiotica.orgFlikr simbiotica.orgYouTube simbiotica.orgClique para deixar de subscrever esta newsletter

Se não deseja voltar a receber o boletim News of the Wild clique aqui!!

 

simbiotica.org  |  Arquivo  |  Comentar  |  Busca Contacte-nos  |  Imprimir  |  @ simbiotica.org, 2010


Return to Archives

Newsletter service by YourWebApps.com