2009-07-17

Subject: Parque de tigres sem tigres

 

Parque de tigres sem tigres

 

 

Dificuldades em visualizar este email?

Consulte-o online!

Um dos principais parques de tigres da Índia, o Parque Nacional Panna, admitiu finalmente que já não tem tigres.

O parque, localizado no estado central de Madhya Pradesh, era parte dos esforços do país para salvar os famosos tigres de Bengala da extinção.

O ministro estatal das florestas Rajendra Shukla diz que a reserva, que há três anos tinha 24 tigres, já não tem nenhum animal no seu interior.

Um censo especial foi realizado no parque por um instituto da fauna selvagem, depois de as autoridades florestais terem relatado que não ocorriam avistamentos destes animais há muito tempo e esta é a já a segunda reserva especial para tigres, depois de Sariska no Rajasthan, em que o efectivo de tigres caiu para zero.

Funcionários do departamento de vida selvagem dizem que não há razão "explicável" para a queda no número de tigres mas um relatório preparado pelo ministério central da floresta diz que Panna não pode ser comparado com Sariska porque "os sinais de alarme têm vindo a ser enviados regularmente nos últimos oito anos".

O relatório diz que as autoridades responsáveis pela vida selvagem falharam na detecção do desastre eminente apesar dos repetidos alertas e acabaram por perdes todos os grandes felinos para a caça furtiva.

Enquanto esta controvérsia continua, tem havido notícias de que outro parque nacional de Madhya Pradesh, o parque Nacional Sanjay, que também foi incluído no projecto para salvar os tigres há três anos, também já não terá tigres. Até final da década de 90 do século passado, este parque tinha uma população de 15 tigres.

Dos mais de 1400 tigres que se estima percorram a Índia, 300 vivem no estado de Madhya Pradesh, que por esse motivo é apelidado de o "estado tigre da Índia".

Mas o ministro da floresta de Madhya Pradesh, Rajendra Shukla, considera que nem todas as notícias são tão sombrias. "Panna é o único dos nossos parques que perdeu nesta contagem. Três das reservas florestais do estado, Kanha, Bandhavgarh e Pench, foram consideradas das reservas de tigres melhor geridas do país."

Shukla reuniu um comité com sete membros, incluindo peritos e o conservador-chefe das florestas do estado, para estabelecer a causa do desaparecimento dos tigres.

O conservador-chefe, HS Pabla, indicou que o relatório do comité deve ser entregue durante Agosto. Segundo ele, os tigres do Parque Nacional Sanjay "podem ter saído do parque para as zonas adjacentes, que fazem agora parte do estado do Chattisgarh, criado há alguns anos".

As autoridades transportaram recentemente duas fêmeas de tigre de outro parque de tigres localizado perto para Panna e já pediram autorização à administração central para trazer mais quatro animais, dois dos quais machos.

 

A Índia tinha 40 mil tigres há um século mas o seu número diminuiu rapidamente devido à caça desportiva e ilegal. 

O país proibiu a caça ao tigre e lançou um ambicioso esforço de conservação apelidado de Projecto Tigre, com o objectivo de aumentar o efectivo desta espécie ameaçada. Várias zonas florestais foram declaradas parques nacionais e foram-lhes atribuídos fundos para a protecção dos tigres.

Apesar do programa ter dado frutos inicialmente, com o declínio dos números reduzido pela proibição da caça, os anos mais recentes têm assistido a uma subida fenomenal da caça furtiva, que está organizada quase ao estilo do tráfico de droga.

As autoridades não conseguiram impedir essa subida, tanto devido à permanente mudança de técnicas, como da corrupção no seu interior.

MK Ranjitsingh, membro da Comissão de Aconselhamento sobre a Vida Selvagem, diz que as autoridades têm que ser duras com os caçadores furtivos impedindo as suas actividades nos parques e impedindo a exportação de produtos obtidos a partir de tigres. Dado que esses produtos se destinam essencialmente aos países o leste asiático, apela também ao aumento da pressão internacional sobre eles.

Tem havido relatos de que há novo crescimento da procura por ossos, garras e peles de tigre em países como a China, Taiwan e Coreia. 

 

 

Saber mais:

Parque Nacional Panna

Project Tiger

Tigres de Amur no limiar genético da extinção

Esperança com nascimento de crias de tigre na Índia

Tempo escasseia para os tigres

Maior santuário de tigres indiano sob ameaça

Para onde foram os tigres indianos?

 

 

Recebeu este boletim através de um amigo??

Faça a sua própria subscrição aqui!!

Se não deseja voltar a receber o boletim News of the Wild clique aqui!!

simbiotica.org  |  Arquivo  |  Comentar  |  Busca Contacte-nos  |  Imprimir  |  @ simbiotica.org, 2009


Return to Archives

Newsletter service by YourWebApps.com