2009-04-06

Subject: Mais testosterona não resulta em comportamentos de risco em mulheres

 

Mais testosterona não resulta em comportamentos de risco em mulheres

 

 

Dificuldades em visualizar este email?

Consulte-o online!

Mulheres que receberam testosterona durante um mês não revelaram maior risco de se envolverem em decisões financeiras arriscadas, revelaram investigadores suecos.

As descobertas podem sugerir que as mulheres são apostas mais seguras no mercado de acções do que os homens ou colocar em dúvida descobertas anteriores acerca dos efeitos da hormona nos homens.

Uma série de estudos recentes descobriu correlação entre o nível de testosterona e o comportamento arriscado nos homens, incluindo um que descobriu que correctores da bolsa com mais testosterona na saliva tomavam decisões financeiras mais arriscadas.

Mas agora, uma equipa liderada por Magnus Johannesson, um economista da Escola de Economia de Estocolmo, não descobriu nenhum desses efeitos num grupo de 200 mulheres pós-menopausa.

As mulheres receberam testosterona, estrogénios ou um placebo durante quatro semanas e foi-lhes pedido que jogassem uma série de jogos económicos que mediam a propensão do jogador para assumir riscos, a sua confiança e a sua capacidade de partilhar recursos. No 'jogo do ditador', por exemplo, um jogador pode decidir quanto de um pote de dinheiro irá partilhar com uma instituição de caridade e quanto quer guardar para si.

A equipa pensou que as mulheres que tomavam testosterona teriam um comportamento mais semelhante ao dos homens, dando menos para caridade e assumindo mais riscos num jogo de investimento. No entanto, os seus resultados, publicados na revista Proceedings of the National Academy of Sciences, não revelaram diferenças significativas entre as mulheres que tomaram testosterona e as que tomaram estrogénios e placebos.

Mas outros estudos identificaram diferenças entre a forma como homens e mulheres tomam decisões financeiras, sugerindo que a exposição a hormonas sexuais durante o desenvolvimento pré-natal e adolescente podem ter implicações maiores do que mais tarde na vida.

 

John Coates, neurocientista na Universidade de Cambridge, foi o principal autor do estudo sobre os correctores da bolsa. Ele salienta que a sensibilidade de uma pessoa à testosterona em circulação pode ser função da quantidade de testosterona pré-natal a que foram expostas. "Assim, aumentar a testosterona em mulheres pode ter menos efeito do que aumentá-la em homens. Os resultados são mais ou menos o que eu esperaria."

Seria necessário fazer uma experiência a uma escala semelhante com homens jovens, diz Coates, para compreender a extensão da ligação entre as hormonas e as decisões económicas. Os resultados dessas experiências também podem depender "de se a experiência foi conduzida num laboratório, com recompensas monetárias baixas, ou no campo, por assim dizer, com quantidades significativas de dinheiro e risco".

De qualquer forma, acrescenta Coates, "as mulheres podem ser uma influência estabilizadora nos mercados".

Johannesson concorda que o impacto das hormonas sexuais sobre a a tomada de decisão em questões financeiras "ainda é um tema em aberto". No entanto, ele salienta que o poder estatístico deste estudo é alto pois incluiu muitos indivíduos.

"Estou relativamente pessimista em relação a encontrar um efeito em homens", diz Johannesson. Ele escreve no artigo agora publicado que é possível que as associações anteriormente publicadas e o assumir de riscos são "extemporâneas". Estudos que não descobrem uma correlação entre os níveis de hormonas sexuais e o comportamento económico simplesmente têm mais dificuldade em ser publicados: "As correlações negativas não são publicadas." 

 

 

Saber mais:

Machos que lutam por parceiras evoluíram para morrer jovens

Hormonas tornam as mulheres melhores condutoras

Porque dói menos ser macho

 

 

Recebeu este boletim através de um amigo??

Faça a sua própria subscrição aqui!!

Se não deseja voltar a receber o boletim News of the Wild clique aqui!!

simbiotica.org  |  Arquivo Comentar  |  Busca Contacte-nos  |  Imprimir  |  @ simbiotica.org, 2009


Return to Archives

Newsletter service by YourWebApps.com