2007-08-07

Subject: Pais marioneta criam condores problemáticos

 

Bem-vindo(a) a mais uma edição do boletim informativo  News of the Wild

Este boletim é mantido por simbiotica.org, a Rede Simbiótica de Biologia e Conservação da Natureza

Mantenha-se informado das últimas novidades e troque ideias com todos os que fazem parte desta imensa rede!

 

Em destaque:

Pais marioneta criam condores problemáticos

 

  Questões ou comentários para: webmaster@simbiotica.org

Dê a rede simbiotica.org a conhecer a um amigo!!

Os condores da Califórnia criados por marionetas apresentam dificuldades sociais em adultos, descobriram os investigadores.

As aves criadas em cativeiro com a ajuda de marionetas e libertadas na natureza mostram uma curiosidade pouco saudável pelos humanos e são menos sociais para com os outros condores, diz a bióloga Amy Utt, da Universidade de Loma Linda, Califórnia.

"Uma das aves criadas com uma marioneta que eu estudei estava fascinada com os alpinistas. Ele ficava empoleirado nas rochas acima deles e observava tudo com grande interesse, à medida que as pessoas passavam", diz Utt. Outros exploravam as lixeiras ou aproximavam-se dos humanos com uma audácia excessiva.

A caça e a perda de habitat quase dizimaram por completo o condor da Califórnia. Em 1982, restavam 24 aves na natureza e para salvar a espécie os investigadores desenvolveram técnicas complexas de cruzamentos e criação dos pintos.

Uma dessas técnicas era a recolha do primeiro ovo posto no ninho, induzindo as aves a por um segundo. O segundo era geralmente criado pelos progenitores, enquanto o primeiro era geralmente criado por uma marioneta ou, por vezes, por progenitores adoptivos.

As marionetas parecem as cabeças dos condores adultos e são usadas para alimentar os pintos até que abandonem o ninho. Também dão aos pintos uma imagem de um adulto para se focarem, para que se identifiquem com os da sua espécie.

Isto permitiu que muitos pintos, que podiam de outra forma ter sido mortos por progenitores inexperientes ou que nunca teriam nascido sequer, atingissem a idade adulta mas os efeitos a longo prazo destes métodos eram desconhecidos, pelo menos até a equipa de Utt publicar as suas descobertas na revista Zoo Biology.

Inicialmente os manipuladores das marionetas eram muito delicados com os pintos mas estas aves não se integraram bem na comunidade dos condores, preferindo brincar com lixo e bicar telhas de casas próximas.

Vídeos de progenitores condores mostraram aos manipuladores das marionetas que estavam a ser demasiado delicados. Assim, passara a ser pais mais rígidos, forçando os juvenis a comportarem-se de forma mais submissa.

 

Os investigadores também estão a analisar os problemas sociais dos condores com a ajuda de um programa de acompanhamento. Os condores criados por progenitores e marionetas são colocados num aviário antes de serem libertados, de forma a aprenderem as competências sociais com os adultos.

"É uma espécie de pré-primária para os condores", explica Utt.

Os pintos alimentados por marionetas também têm as suas gaiolas ao lado do aviário de acompanhamento, onde podem ver os seus futuros pares a interagir e podem aprender mais antes de se lhes juntarem. 

No entanto, após o programa de acompanhamento, as diferenças comportamentais entre as aves criadas por progenitores e por marionetas permaneceram.

"Levar os animais criados em cativeiro a voltar a serem selvagens é um verdadeiro desafio. Quando tivermos progenitores selvagens a criar pintos selvagens vai ser mais fácil mas até lá temos que intervir", diz o biólogo conservacionista Mike Wallace, da Conservation and Research for Endangered Species de San Diego, Califórnia.

"Não há substituto para uma ave real mas o programa de acompanhamento estamos a conseguir que algo artificial possa produzir condores que podem ser bem sucedidos na natureza, o que é espantoso", diz Utt.

 

 

Saber mais:

Condor da Califórnia

 

Comentar

Busca Imprimir  

Recebeu este boletim através de um amigo??

Faça a sua própria subscrição aqui!!

Se não deseja voltar a receber o boletim News of the Wild clique aqui!!

@ simbiotica.org, 2007


Return to Archives

Newsletter service by YourWebApps.com